Translate

domingo, 7 de junho de 2015

RESENHAS SÉRIES: The Blacklist

Mistério, suspense e intrigas envolvem "The Blacklist".
 
THE BLACKLIST (2013- )

A LISTA NEGRA
Um grupo de agentes do FBI é formado para perseguir ameaças à segurança nacional do EUA... a premissa parece batida quando temos uma visão minimalista da situação, mas “The Blacklist” vai além disso.
Raymond “Red” Reddington (James Spader) é um grande negociador do submundo, negociando desde armas até informações. Ele está entre os 10 mais procurados do FBI. Um dia ele se entrega, mas somente irá conversar com a analista Elizabeth Keen (Megan Boone), uma jovem e promissora agente que trabalha internamente no FBI e está casada com Tom Keen (Ryan Eggold). Quando ela é convocada, sem entender o motivo, se junta a equipe de Harold Cooper (Harry Lennix) e se torna parceira do agente Donald Ressler (Diego Klattenhoff). Em meio a desconfianças de sua integridade e de sua moral, ela descobre, através de Reddington que existe uma Lista Negra de pessoas que podem ameaçar a segurança nacional do país, e se deseja fazer algo, terá de seguir as instruções dele para conseguir manter as pessoas em segurança.
Com o passar dos episódios, Elizabeth descobre os motivos pelos quais ela foi convocada por Reddington, pois este está ligado ao seu passado turbulento, bem como a Lista Negra é uma cadeia de acontecimentos que levam a pessoas bem piores, dentre elas, Berlin, um ex-agente da KGB que tem um desejo mortal de vingança com Reddington, e o Cabal, uma organização dentro dos EUA, formada por pessoas do Alto Escalão, capazes de qualquer coisa para se manter.Entre atentados, intrigas, mentiras, “The Blacklist” se mostra como uma verdadeira rede de acontecimentos que se desenrola a cada instante e totalmente surpreendente. Uma das coisas que mais impressiona é a capacidade de Reddington estar à frente nas informações e acontecimentos que o cercam. Ele é cercado de aliados e pessoas capazes de sacrificar a própria vida para ajuda-lo, como seu braço-direito Dembe (Hisham Tawfiq). Esse aliados o mantêm constantemente por dentro dos acontecimentos e mesmo que ele não siga ordenado na Lista, percebemos que a ligação dela não somente tem a ver com a vida de Reddington, mas com a da agente Elizabeth Keen.
 
ELENCO
NUP_155820_1962.JPGNenhum dos membros do elenco principal são desconhecidos. Talvez as pessoas lembrem pouco deles, mas todos já estiveram em filmes e seriados bem conhecidos.Comecemos com James Spader. A carreira dele como ator começou em 1978 e de lá para cá, ele fez papéis do mais variados, começando com Amor Sem Fim (1981), onde ele faz o irmão rebelde da bela Brooke Shields. Seguindo a linha de rebelde ainda, ele fez Tuff Turf – O Rebelde (1985), que ele fez ao lado de Robert Downey Jr. Depois fez o mal caráter Steff do filme A Garota de Rosa-Shocking (1986), ao lado Molly Ringwald, Jon Cryer e Harry Dean Stanton. No ano seguinte ele fez Manequim (1987), com Kim Cantrall e Andrew McCarthy. Ele voltou a atuar ao lado de McCarthy e Downey Jr. em Abaixo de Zero (1987), participou, também, de Presente de Grego (1987) com Diane Keaton, Sam Shepard e – o sempre querido – Harold Ramis (1944-2014) e Wall Street – Poder e Cobiça (1987), com Charlie Sheen, Michael Douglas e Daryl Hannah.Spader sempre fez papéis pequenos, mas nos quais ele conseguia se destacar devido ao seu talento, até o intrigante Loucos de Paixão (1990), que ele fez ao lado de Susan Sarandon, onde ele é um jovem executivo que, depois de perder a esposa, conhece uma garçonete mais velha e vivem um tórrido romance, com altos e baixos devidos as diferenças de idade e sociais. Com essa grande atuação, ele se tornou o protagonista, ao lado de John Cusack, de A Um Passo do Poder (1991), onde ambos fazem alunos de direito, mas cada um com ambições diferentes que testam, a todo momento, sua amizade. Depois fez Storyville – Um Jogo Perigoso (1992), onde é um jovem candidato ao senado que termina com problemas por ter dormido com uma prostituta, mas ao investigar sobre o assunto, descobre coisas que não desejava sobre seu pai. No mesmo ano participa da comédia política Bob Roberts (1992), com Tim Robbins, Giancarlo Esposito e Alan Rickman, também tem seu primeiro encontro com os atores Harry Lennix e David Strathairn, que participam de “The Blacklist”. Depois protagoniza o thriller A Mulher dos Meus Sonhos (1993) e The Music of Chance (1993).Em 1994, James Spader esteve ao lado de Jack Nicholson e Michelle Pfeiffer no fantástico Lobo (1994), só que nesse ele vive o antagonista do personagem de Nicholson. No mesmo ano ele fez Stargate – A Chave Para o Futuro da Humanidade (1994), ao lado Kurt Russell. Foram mais de treze filmes (dentre eles o intrigante A Secretária (2002), ao lado de Maggie Gyllehaal) até Spader voltar a TV (em 1983 ele participou da novela Um Caso Bem Familiar e fez participações nas comédias Frasier (1994) e Sienfield (1997)) na oitava temporada da série O Desafio (2003-2004) como o advogado Alan Shore. Por sua atuação, ganhou o prêmio de Melhor Ator de Série Dramática, ao lado de William Shatner. Graças a performance de ambos, eles ganharam o spin-off  Justiça Sem Limites (2004-2008), onde ganhou mais dois prêmios no passar das cinco temporadas da série. Ao final da sétima temporada da série de comédia “The Office” e durante toda a oitava temporada, Spader fez o enigmático gerente regional Robert California. Dezesseis meses depois ele estrelava “The Blacklist”, mas antes fez uma significativa participação no filme Lincoln de Steven Spielberg, ao lado de Daniel Day-Lewis, Sally Field, Tommy Lee Jones e – novamente – David Strathairn. Sua atuação vem lhe garantindo várias indicações a prêmios no Globo de Ouro e Emmy, mostrando que o talento de Spader ainda é reconhecido.James Spader não para de trabalhar, mesmo com seu compromisso em “The Blacklist”, tanto que foi o responsável pela dublagem do personagem Ultron no filme Os Vingadores: Era de Ultron (2015).
A atriz Megan Boone começou sua carreira em 2001 em um curta-metragem. Depois de filmes menores, ela participou do thriller Dia dos Namorados Macabro (2009) com Jensen Ackles, Jaime King e Kerr Smith e da comédia Sex and the City 2 (2010) com Sarah Jessica Parker, Kim Cantrall, Kristin Davis e Cynthia Nixon. Depois participou de sete episódios da primeira temporada de Law & Order: Los Angeles. Participou de filmes como Doce Tentação (2012), Ela Dança, Eu Danço 4 (2012) e Bem-Vindo à Selva (2013), além de aparecer em dois episódios da terceira temporada de Blue Bloods, até que em setembro de 2013 estreou como a protagonista de “The Blacklist”, onde vem desenvolvendo bem sua personagem e crescendo em seu papel como Elizabeth Keen.
Ryan Eggold fez sua primeira participação em séries em 2006. No ano seguinte fez quatro episódios da novela The Young and The Restless. Em 2008, participou de sete episódios da segunda temporada de Dirt, série estrelada por Courteney Cox, além de aparecer em três episódios da terceira temporada da série Entourage: Fama & Amizade. Entre curtas e participações em filmes, Eggold embarcou na refilmagem da série 90210 (conhecida no Brasil como “Barrados no Baile”), fazendo um professor de literatura inglesa entre os anos de 2008 e 2011. Ele voltou a participar de mais curtas e filmes, até se envolver na minissérie de cinco partes Daybreak (2012).Em 2013, depois de estear em “The Blacklist”, Ryan Eggold chegou a protagonizar o filme Vou te Seguir na Escuridão. Depois de desaparecer por alguns episódios, Eggold participou da minissérie do canal History, Sons of Liberty. Hoje participa ativamente de todos os episódios como Tom Keen, ajudando Elizabeth no que ela precisar, mesmo não sendo mais marido dela (algo que, possivelmente, nunca foram de verdade).
O ator canadense Diego Klatenhoff começou sua carreira participando de um seriado entre os anos de 2001 e 2002. Em 2004, depois de participar de algumas outras séries, sempre em papéis menores, esteve no elenco de Meninas Malvadas (2004), estrelado por Lindsay Lohan. Klatenhoff chegou a participar de episódios de séries como Smallville (2005) e Stargate SG-1 (2005). Em 2006 fez a minissérie At The Hotel para o canal CBC. No primeiro episódio da segunda temporada de Whistler, Diego Klatenhoff estrou como Derek e nela permaneceu até o fim, participando de doze episódios.
Em 2008, Diego Klatenhoff participou de seis episódios da segunda temporada de Homens às Pencas. Chegou a participar de Plantão Médico (2009) e dois episódios de 24 Horas (2009), até embarcar no elenco de Mercy, onde fazia o marido de uma das enfermeiras. Participou de Falling Skies (2011) e em 2012 embarcou em mais uma série, Homeland (2011-2013), onde fazia o amigo do soldado Nicholas Brody, vivido pelo ator Damian Lewis, que depois deste ser dado como desaparecido, começa um caso com a esposa de Brody, Jessica, interpretada pela brasileira Morena Baccarin, Também fez os filmes Depois da Terra (2013), com Will Smith e Jaden Smith, e Círculo de Fogo (2013), com Charlie Hunnam, Idris Elba e Rinko Kikuchi. Após findar sua participação em Homeland, Klatenhoff embarcou como o agente do FBI Donald Ressler em “The Blacklist”, e vemos seu personagem cada vez ganhando mais importância na trama.
Harry LennixHarry Lennix, como James Spader, dispensaria apresentações graças ao seu extenso currículo que se iniciou em 1989. Mas seu primeiro papel de destaque veio na comédia de ação Quanto Mais Grana Melhor (1992), com Damon Wayans, Marlon Wayans, Stacey Dash e Joe Santos. Depois participou, ao lado de Spader, da comédia política Bob Roberts (1992). Em 1995, fez Irmãos de Sangue, de Spike Lee, com Harvey Keitel, Delroy Lindo, John Turturro, Mekhi Phifer e Isaiah Washington. Em 1997, Lennix participou de seis episódios da terceira temporada de Plantão Médico. No mesmo ano, participou de seis episódios da quinta temporada de Diagnosis Murder, estrelada por Dick Van Dyke.Em 2000, Harry Lennix participou do elenco do drama esportivo Além dos Limites (3000), com Omar Epps. Fez um professor de poesia em Meu Namorado Pumpkin (2002), com Cristina Ricci, e atuou em Efeito Colateral (2002), com Arnold Schwarzenegger, Cliff Curtis, Elias Koteas, John Leguizamo e John Turturro. Em 2003, fez parte do elenco de Matrix Reloaded (2003), com Keanu Reeves, Carrie Anne-Moss, Lawrence Fishburne, Monica Belucci, Jada Pinkett-Smith e Hugo Weaving. Neste mesmo ano participou do filme Revelações (2003) com Anthony Hopkins, Nicole Kidman, Ed Harris, Gary Sinise, Wentworth Miller e Clark Gregg. Ao lado de Jamie Foxx, Kerry Washington, Regina King e Clifton Powell, Lennix esteve no elenco do fantástico Ray (2004). Foi o Chefe de Gabinete da Casa Branca em Commander in Chief (2005-2006), com Geena Davis e Donald Sutherland. Dublou o Dr. Mar Londo em Superman e a Legião de Super-Heróis (2006). Participou de seis episódios da sexta temporada de 24 Horas, com Kiefer Sutherland. Fez um detetive no filme Intrigas do Estado (2009) com Russell Crowe, Rachel McAdams, Bem Affleck e Helen Mirren. Entre 2009 e 2010, Lennix fez parte do elenco de Dollhouse, série de Joss Whedon, com Elisa Dushku e Amy Acker. Entre 2012 e 2013, fez seis episódios da série dramática Emily Owens M.D. Daí então estreou “The Blacklist”, onde ele interpreta o chefe da Operação, Harold Cooper. Mas Lennix não para, pois ainda em 2013 estreou o filme O Homem de Aço (2013) com Henry Cavill, Amy Adams, Michael Shannon, Diane Lane, Russell Crowe, Kevin Costner e Lawrence Fishburne, além de dublar o personagem Manta Negra na animação Liga da Justiça: Trono de Atlântida.Além de seu trabalho em “The Blacklist”, Harry Lennix ainda está filmando William Shakespeare’s Macbeth, dirigido e protagonizado por Angus Macfadyen, com Taylor Roberts e Kevin McNally, escreveu e está atuando no hibrido de musical com animação Revival!, estará no seriado Stitch e retornará ao seu personagem em Batman vs. Superman: A Origem da Justiça.
A premiada atriz Mozhan Marnò, começou na TV em 2006, sempre em papéis pequenos ou personagens de um episódio, somente, até 2011, quando fez um arco de dois episódios no seriado de comédia The Paul Reiser Show. Chegou a fazer duas aparições na série O Mentalista (2009-2011). No quinto episódio da segunda temporada de House of Cards, Marnò iniciou seu trabalho como a jornalista do Wall Street Telegraph Ayla Sayaad. A personagem participou de cinco episódios da série da Netflix. Depois Marnò embarcou em “The Blacklist”, no primeiro episódio da segunda temporada, como a agente do MOSSAD Samar Navabi. Ela tem extensa ligação com o personagem de Spader, ainda a ser bem explorado.
NUP_164622_0260.JPGAmir Arison começou seu trabalho como ator em 2003. Em 2005, ele apareceu na série Lei e Ordem: Crimes Premeditados como o Tenente Sanjay e retornou em 2007 como Tarek “Rick” Agiza. Depois participou de quatro episódios da novela As the World Turns (2008). Em 2009 autou no filme Eu Odeio o Dia dos Namorados, com Nia Vardalos, John Corbett, Stephen Guarino e Zoe Kazan.Arison retornou a TV em 2005, no episódio vinte e dois da sexta temporada do seriado Lei e Ordem: Unidade de Vítimas Especiais como o Dr. Ghupta. Depois, no episódio onze da décima temporada, ele retorna como Dr. Manning, que repetiu durante oito episódios, entre 2009 e 2011. Em 2011, participou da sitcom State of Georgia.Dembe-Zuma Chegou a participar de dois episódios da primeira temporada de Homeland (2011). Amir Arison também participou de dois episódios da segunda temporada de True Justice (2012). Entre os anos de 2012 e 2013, Arison fez 11 episódios da novela H+. Ainda em 2013, fez seis episódios da primeira temporada de Zero Hour. Embarcou em “The Blacklist” a partir do terceiro episódio da primeira temporada, se tornando fixo a partir daí. Arison ainda participou de três episódios da terceira temporada da série Girls (2014), de três episódios da terceira temporada do seriado Blue (2014) e da comédia Maldito Feliz Natal (2014), com Joel McHale, Lauren Graham, Clarke Duke, Oliver Platt, Candice Bergen e Robin Williams.
Hisham Tawfiq iniciou fazendo vídeos a partir de 2003. Entre 2007 e 2008, fez duas participações distintas na série Lei e Ordem: Unidade de Vítimas Especiais. Em 2009 participou de cinco episódios da série Kings e apareceu em um episódio da série Lei e Ordem: Crimes Premeditados. Em 2010, Tawfiq integrou o elenco Terrorismo em Nova York, com Kaluk Bilginer, Danny Glover, Gina Gershon e Robert Patrick. Na sexta temporada de Um Maluco na TV (2012), Tawfiq participou de dois episódios da série como um ditador africano. Entre curtas e participações em séries, no segundo episódio da primeira temporada de “The Blacklist”, Hisham Tawfiq surgiu como Membe, braço direito do personagem de James Spader. Entre aparições, na maioria das vezes, silenciosa, Tawfiq ganhou grande importância e seu personagem tem se mostrado cada vez mais ganha destaque, na medida que a série se desenrola.
 
OPINIÃO
Para quem gosta de muito mistério, de um quebra-cabeça que simplesmente se torna mais complexo à medida que a série se monta, “The Blacklist” é a série certa. Os acontecimentos do final da segunda temporada dão um rumo a série, mas ainda não se perde o objetivo dela. Talvez a motivação da continuidade, mas com certeza ainda veremos Raymond Reddington e a agente Elizabeth Keen indo atrás das pessoas que fazem parte da Lista Negra. Mas mudanças de panoramas e de cenários, se forem bem coordenadas, fazem com que a série cresça, junto com a atuação de seus protagonistas, antagonistas e personagens de apoio. “The Blacklist” é uma das séries mais empolgantes, que te prendem do começo ao fim de cada episódio.