Translate

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

RESENHA OVERDOSE CINEMA: 42: A História de Uma Lenda

Publicado no Overdose HQ em 30/12/2014.

42RESENHA OVERDOSE CINEMA:

42: A História de Uma Lenda (42: The True History of an American Legend, 2013)

Direção: Brian Helgeland
Elenco: Harrison Ford, Chadwick Boseman, Nicole Beharie, Christopher Meloni, Ryan Merriman, Lucas Black, Andre Holland, Alan Tudyk, Hamish Linklater.

No final da década de 1940, Jackie Robinson (Chadwick Boseman), um jogador de basebol da Liga Negra é chamado pelo presidente dos Brooklyn Dodgers, Branch Rickey (Harrison Ford), para jogar na Liga Principal de Basebol dos Estados Unidos, onde somente brancos jogavam. Jackie tem de enfrentar ofensas, pressões e mostrar que ele era um jogador de basebol, independente de sua cor.
Baixei esse filme, pois queria conhecer o trabalho de Chadwick Boseman, que futuramente interpretará T'Chala, o Pantera Negra, e me supreendo com um excelente filme que fala sobre superação de barreiras e preconceitos. A história de Jackie Robinson, personagem que Boseman interpreta, é inspiradora, pois ele lutou o tempo todo e conseguiu chegar ao World Series. Hoje seu número, o "42", foi aposentado da Liga Principal em homenagem a ele.
O diretor desse filme, Brian Helgeland, apesar de ter tido poucas direções, fez os excelentes "Coração de Cavaleiro" (2001) e "Devorador de Pecados" (2003) com Heath Ledger protagonizando ambos. Além de escrever os dois filmes com Ledger, Helgeland escreveu os roteiros de "Sobre Meninos e Lobos" (2003), com Sean Penn e Tim Robbins (ganharam os Oscars de Melhor Ator e Melhor Ator Coadjuvante, respectivamente), "Chamas da Vingança" (2004) e "O Sequestro do Metrô 123" (2009), ambos com Denzel Washington, sendo que o primeiro Washington está ao lado de Dakota Fanning, e o segundo ele trabalho com John Travolta. Além de dirigir, Helgeland também escreve esse filme e demonstra como sabe trabalhar bem o enredo de uma história com base em fatos reais, pois te motiva a torcer cada vez mais por Robinson e sua vitória. Isso auxiliado pela interpretação muito boa de Chadwick Boseman.42-2
Simplesmente, me sinto feliz da Marvel Studios tê-lo contratado para interpretar T'Chala, pois depois de vê-lo nesse filme, tenho certeza que ele dará conta do trabalho tranquilamente e fará do Pantera Negra mais um personagem imortal no Universo Cinematográfico Marvel. E tendo como elenco de apoio atores experientes como Harrison Ford, somente engradece o talento do rapaz.
Um filme cativante e emocionante. E mesmo tendo sido realizado o ano passado, vale a pena ser conferido.